Sábado, 9 de Fevereiro de 2008
AMOR NAZISTA

 

 

Germânico tenha piedade de mim
Pobre judia...
Teus cabelos dourados
Teus olhos da cor do oceano
Dão luz a esta escura guerra!

Ah! nazista..
Nosso amor é proibido
Não há como renegar tua natureza
Mataste meu povo!

Amar-te é meu maior pecado
Já não temeria a hora de minha morte
Morreria em teus braços!
Como posso odiar esta alemanha
Sendo que em meu ventre
Já carrego o seu sangue!

Ainda tenho esperança meu soldado
Que findada a guerra
Deste campo de concentração me levares
Meus cabelos negros
E minha pele morena assumires...

A paz voltando ás ruas...
Que de tua mulher e filho
Faça a tua bandeira!
Servirei a ti
Fielmente com meu amor
Meu fuhrer!

 

Cleópatra


...:

publicado por Cleópatra às 01:10
link do post | favorito

De Deivid de Joras a 6 de Maio de 2012 às 23:55
Moça, encontrei teu blog por acaso, se é que existem acasos. E foi uma grata surpresa. É simples, consistente e de uma sutileza e boa escrita incrível.
Parabéns


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 




Profile
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Poesias recentes

LAÇOS ETERNOS

...

FANATISMO

AMOR NAZISTA

PUS O MEU SONHO NUM NAVIO

PELE TROPICANA

O MAPA

PARTITURA DIVINA

SER POETA

TERRA E MAR

Baú da Poesia

Setembro 2008

Julho 2008

Fevereiro 2008

tags

todas as tags


Links
Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds